G-KZDPBHECNM
top of page
  • Foto do escritorNathália Correia

Produções e documentários brasileiros que você deveria assistir

A indústria cinematográfica brasileira está evoluindo cada vez. Com filmes tipo “Marte Um” se aproximando do oscar, o incentivo para o consumo e para o apoio à produção nacional tem aumentado bastante.


Para além dos longas atuais, existem uma série de obras e documentários brasileiros, tanto antigos quanto mais recentes, que abordam questões como a história do nosso país, os problemas enfrentados, a sociedade e fatos que muitos ainda desconhecem. Por isso, fiz essa lista com produções nacionais para você adicionar na sua lista. Vem ver!


Cabra Marcado para Morrer

Um dos maiores sucessos de Eduardo Coutinho, famoso cineasta e jornalista brasileiro, o documentário conta a história de João Pedro Teixeira, líder da liga camponesa de Sapé, na Paraíba. Assassinado a mando dos latifundiários contrários à reforma agrária e às melhores condições de trabalho, a obra conta a história dessa figura e mostra o impacto de sua morte para sua família, principalmente para a sua esposa, Elizabeth, que lutava ao seu lado. Ele está disponível no globoplay, no amazon prime e no YouTube.


Chão de Fábrica

Este curta-metragem conta com a participação de grandes nomes do cinema e do teatro brasileiro, como Carol Duarte e Helena Albergaria, sendo indicado ao Prêmio do Cinema Brasileiro de Melhor Curta-Metragem Ficção em 2022. Ele se ambienta nas greves metalúrgicas no ABC Paulista em 1979, sob a ótica de quatro operárias durante o intervalo do almoço no banheiro de uma fábrica. É emocionante e super tocante, vale a pena assistir.


Kbela

Mais um curta para se arrepiar da cabeça aos pés. Em “Kbela” vemos o reflexo e as consequências do racismo sob a perspectiva de mulheres negras, que têm que lidar, não só com esse preconceito, mas com o seu peso agregado ao padrão estético. De maneira super sensível e íntima acompanhamos a resistência dessas figuras e como elas trabalham para se unir e invocar o poder ancestral que tem dentro de si. Você pode assistí-lo no YouTube.


Rio 40 graus

Visitando a época do Cinema Novo, “Rio 40 Graus” parece antigo, mas trata de temas super atuais. A trama se passa em Copacabana e retrata um típico domingo ensolarado e quente sob a ótica de cinco crianças negras periféricas. À medida que a história se desenrola, percebemos que, infelizmente, o domingo talvez seja só mais um dia como os outros para quem vive naquela realidade. Ele está disponível no globoplay e no amazon prime.



A cidade é uma só?

Não conheço muito a história de Brasília além do que aprendemos na escola, e a produção me chamou a atenção justamente por tratar sobre o passado da nossa capital. Neste documentário misturado com ficção vamos entender sobre a CEI (Campanha de Erradicação de Invasões) implementada no estado, levando à construção de cidades para “esconder” as camadas mais baixas e limpar Brasília. Na obra, vamos conhecer o município de Ceilândia e a história de uma moradora que participou da campanha. Você pode assistir essa obra no YouTube.


Carta Para Além dos Muros

Por último, uma produção mais atual e original da Netflix, que conta com a participação do famoso Dr. Drauzio Varella. “Carta Para Além dos Muros” aborda a história do vírus HIV e da Aids no Brasil, passando pelos momentos iniciais da doença, pela resistência da população e dos órgãos em falar sobre o assunto, pelo estigma atrelado aos homossexuais e os impactos para a população. É uma excelente produção que traz diversas figuras com propriedade e vivência para falar sobre o assunto.



Comentários


bottom of page