• Maria Tosin

Séries sobre dilemas adolescentes

Gatunas


A série ‘Gatunas’ é um pouco diferente, primeiro porque a protagonista Moe, uma adolescente de 16 anos tem a estranha mania de roubar coisas por onde passa, então ela é obrigada a participar de um grupo de apoio chamado “Ladrões de Lojas Anônimos”. É nessas reuniões que ela conhece Tabitha Foster e Elodie Shaw que também sofrem da mesma mania, nesse momento nasce uma amizade incrível que a série retrata. Além disso, a produção também fala sobre relacionamento, sexualidade, confiança, entre outros dilemas da adolescência. A série tem duas temporadas com dez episódios cada e está disponível na Netflix.


Baby


‘Baby’ é uma série italiana que trouxe muita polêmica, pois retrata a vida de um grupo de adolescentes que está em busca de independência, algo que todos entre 14 e 15 anos querem muito.


A história principal é a de duas meninas que descobrem o mundo proibido da prostituição. Mas a série vai muita além disso, ela mostra os motivos que levaram as adolescentes a fazerem as escolhas erradas.


A produção é baseada no escândalo “Baby Squillo” na qual eram promovidos encontros de adolescentes com idade entre 14 e 16 anos com homens mais velhos da alta sociedade italiana. Dentre as dezenas de pessoas acusadas de fazerem parte deste escândalo, está o marido da neta do ex ditador italiano Benito Mussolini.


Eu particularmente amei esta série e é muito fácil de maratonar, tem apenas duas temporadas com seis episódios cada que estão disponíveis na Netflix.


Riverdale


Essa série é uma das mais famosas e está na sua 4° temporada. A história mostra um grupo de amigos explorando as relações de amor, família e amizade em uma pequena cidade chamada Riverdale. A cidade de início parece simpática, mas reserva várias segredos, até me lembra uma querida série chamada: Stranger Things (Será que existe alguém que não goste dela?)


A primeira temporada gira em torno da morte de Jason Blossom, dando início a uma investigação que mexe com toda a cidade. Nas temporadas seguintes outros mistérios vão surgindo e a trama fica cada vez mais viciante. Aproveita que as três primeiras temporadas estão disponíveis na Netflix.


Não provoque


A nova aposta da Netflix chamada 'não provoque' me lembra uma série que eu já falei aqui: a queridinha ‘Euphoria’ da HBO. Primeiro que a série usa o cenário perfeito da adolescência americana. A produção conta a história de um time de cheeleders, o foco da trama é em Addy e Beth, melhores amigas que também fazem parte do time e são consideradas populares no colégio, mas as coisas começam a mudar depois que uma nova técnica chega e interfere na vida de todos no time, principalmente na relação entre as duas amigas.


Para continuar na mesma vibe de outras produções de sucesso da Netflix, a série também tem um crime a ser desvendado, muito parecido com a trama de ‘Elite’. A produção é viciante e possui 10 episódios, recomendo maratonar e sentir inveja do corpo das líderes de torcida rsrs.

Quer escrever aqui? Envie um e-mail pra gente!

©2019 por pippoca.