• Maria Tosin

O que achamos da segunda temporada de Modern Love



A série do Prime Video baseada na coluna do The New York Times fez sucesso na primeira temporada, com um elenco de dar inveja e histórias de amor emocionantes. Depois de 2 anos a segunda temporada chegou ao streaming, mas parece que faltou algo que na temporada anterior era abundante: emoção.


Com 8 episódios de 30 minutos, cada um deles conta uma história de amor, mas desta vez a série ganhou um toque de fantasia que não agradou a todos. O segredo das produções de drama e romance é a capacidade de colocar o espectador no lugar do personagem, se identificar com a história e se conectar por completo com o roteiro.



Na segunda temporada a série escolheu histórias de amor um pouco menos improváveis de acontecer. No segundo episódio, por exemplo, a série narra a história de amor entre um homem comum e uma mulher que possui um distúrbio, ela simplesmente troca o dia pela noite, pois não consegue permanecer acordada no horário normal. A história é cativante, mas certamente não conseguiu se conectar com os espectadores. Outros episódios deixaram muitas pontas soltas e parece que o roteiro não foi bem desenvolvido. O episódio com o famoso Kit Harington, conhecido pelo papel de Jon Snow em Game of Thrones não teve um desfecho e deixou os espectadores esperando um final clichê pelo menos.



Quando uma série agrada a muitas pessoas logo na primeira temporada, é comum que os fãs esperem que a mesma fórmula da primeira temporada seja mantida, mas não foi o que aconteceu com Modern Love. Não podemos dizer que a segunda temporada é ruim, há com certeza episódios que te fazem refletir sobre questões que envolvem amor e é possível até derramar algumas lágrimas em determinados EPs. Vale a pena conferir esse lançamento e tirar suas próprias conclusões.




Posts recentes

Ver tudo