G-KZDPBHECNM
top of page
  • Foto do escritorVictor Taouil

Missão de Sobrevivência: uma explosiva ação na Arábia Saudita com Gerard Butler


Ao ler a sinopse do filme, provavelmente você pensará que se trata de mais um filme com o enredo muito parecido a tantos outros, porém, o fato do roteiro ter sido baseado nas histórias do roteirista (Mitchell Lafortune), do tempo em que ele serviu em missões no Afeganistão, traz muita realidade ao filme e o torna único. Fomos convidados pela Diamond Films para assistir Missão de Sobrevivência antes do lançamento do filme nos cinemas (27 de julho) e a seguir contamos um pouco sobre o que achamos dessa produção.


Tom (Gerard Butler) é um agente secreto da CIA infiltrado no Irã, sua primeira missão no filme é destruir uma instalação nuclear iraniana. Após o êxito da missão, através de torturas e perseguições, o exército iraniano descobre a identidade de Tom e seu rosto está nos 4 cantos do mundo. A partir disso, já em Haret (interior do Afeganistão) inicia-se uma agoniante e cheia de suspense luta pela sua própria sobrevivência. 650km, um impiedoso deserto, inúmeros terroristas e várias explosões separam o agente de uma base militar em Kandahar.

Grande parte dessa caçada é ao lado de Mohammad 'Mo' Doud, um tradutor e cidadão afegão que mora em Londres e volta à sua terra para desvendar antigos segredos. Um detalhe importante que não podemos esquecer é que o personagem Mohammad foi baseado em um tradutor com o qual Mitchell Lafortune trabalhou entre 2011 e 2013.

Com uma fotografia única, cenas no deserto são comuns e muito bem trabalhadas (em grande parte foram filmadas na Arábia Saudita). Os conflitos internos dos países da região (Irã, Afeganistão e Paquistão) são pontuados, Tom e Mo são perseguidos por milícias e exércitos dos três países, denotando a complexidade política e bélica que há na região. Se você - assim como eu - gosta de geografia, com certeza irá pesquisar mais sobre os conflitos da região, características dos países e seus aspectos geográficos.


Uma característica notável do filme é a visão dos conflitos passada por Mo, o afegão “comum” que não faz parte de milícias nem grupos paramilitares, mas que tem sua vida completamente afetada pelas guerras internas e externas. Frequentemente essa visão não é tão abordada nos longas, trazendo apenas os “mocinhos” e os “malvados”.



Apesar do filme estrear no mesmo mês em que os dois filmes mais esperados do ano: Barbie e Oppenheimer, Missão de Sobrevivência é um mistério/aventura moderno em que os acontecimentos são palpáveis, há aspectos históricos e políticos abordados e os personagens têm histórias verdadeiras. Vale a pena conferir!



Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page