• Arthur Ripka Barbosa

Os melhores episódios de What If...?


A primeira série animada da Marvel Studios finalmente chegou ao final de sua temporada. Acompanhamos sob a ótica do Vigia (Jeffrey Wright) o que aconteceu em diferentes realidades no Universo Cinematográfico da Marvel quando diversos fatos aconteceram um pouco diferente do que vimos nos filmes. Por exemplo, o que aconteceria se Peggy Carter (Hayley Atwell) tivesse recebido o soro de supersoldado ao invés do Capitão América, o que aconteceria se Loki (Tom Hiddleston) não fosse adotado por Odin, e por aí vai. Aqui vamos elencar os melhores 3 dos 9 episódios da série, que você deve ver, porque mesmo ela sendo uma animação, ela é canônica no MCU.


3 - “O Que Aconteceria Se… T’Challa Fosse O Senhor Das Estrelas?”

Nos filmes dos Guardiões da Galáxia fomos aprendemos que Peter Quill (Chris Pratt), o Senhor das Estrelas, foi abduzido por Yondu (Michael Rooker) a pedido do seu pai, Ego (Kurt Russell). Nesse episódio, vimos o que teria acontecido se Yondu tivesse sequestrado o príncipe de Wakanda, T’Challa (Chadwick Boseman). Vemos ao longo do episódio o wakandiano sendo uma lenda da galáxia, pelo seu estilo diplomático e pacifista, mesmo sendo parte de um grupo de ladrões de aluguel. Aliada à uma boa trama de filmes de roubo, o episódio mostra que independente do contexto em que T’Challa foi criado, ele sempre será o grande líder que vimos em Pantera Negra (2018). A série também marca o último trabalho de Chadwick Boseman na Marvel, o que coloca uma carga emocional maior nos fãs também.



2 - “O Que Aconteceria Se… Ultron Tivesse Vencido?”

O penúltimo episódio da temporada é o Guerra Infinita de “What If…?”. Nele vemos Ultron (Ross Marquand), o vilão do segundo filme dos Vingadores, vencendo os heróis em sua jornada. Se no filme, o grupo consegue roubar o corpo sintético que Ultron estava criando para evoluir - o que deu surgimento para o Visão, aqui Ultron consegue atingir seu objetivo e com o uso das Jóias do Infinito, ele oblitera mundos em prol da “paz”. Porém, o grande plot do episódio é quando ele percebe a presença do Vigia e ameaça multiverso. Quebrando o seu juramento de não intervir nos acontecimentos, vemos os verdadeiros do Vigia ao lutar com Ultron pela segurança do multiverso. Além disso, esse episódio traz o gancho para o último, sendo o único com uma sequência direta em toda a série.


1 - “O Que Aconteceria Se… Doutor Estranho Tivesse Perdido Seu Coração Em Vez Das Mãos?”

Se no filme de 2016 vimos o Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch) aprendendo as artes místicas depois de que suas mãos tornaram incapazes de realizar novas cirurgias após um acidente de carro, aqui vemos ele buscando a ajuda da Anciã (Tilda Swinton) para trazer Christine Palmer (Rachel McAdams), sua amada, de volta à vida. Nessa jornada, ele ainda derrota Dormammu e seus discípulos, como vimos no filme, porém, ao tentar usar o Olho De Agamotto para evitar a morte de Christine, vemos ele falhando repetidamente independente do que tentava. Strange, no alto de sua arrogância, ignora o aviso da Anciã que a morte de sua amada é um ponto absoluto no tempo, que não pode ser revertido e parte para a busca de poder para romper esse ponto absoluto. Usando de magia negra, vemos Strange absorvendo o poder de diversos seres mágicos, o que vai consumindo sua natureza e dá origem ao Doutor Estranho Supremo, uma versão tão poderosa que é capaz de perceber a presença do Vigia. Porém, com todo esse poder, vimos que ele não consegue salvar Christine e que ele extingue sua realidade, ficando solitário nela mesmo.




Posts recentes

Ver tudo